domingo, 29 de maio de 2016

Adele Pop

Send My Love (To Your New Lover)
Adele

Em toda a relativamente curta carreira da Adele, a cantora nunca foi tão pop como no seu novo single Send My Love (To Your New Lover). E isso é sensacional.

Apesar de acreditar que o single anterior de 25When We Were Young, deveria ter sido melhor trabalhado pela cantora para ter se tornando o sucesso que merece, vejo com bons olhos a escolha de Send My Love (To Your New Lover) como nova música de trabalho, pois é uma mudança bem vinda na trajetória de Adele. Produzida por Max Martin e Shellback, o single é um pop/R&B com uma batida deliciosa, animada, descontraída e contagiante que combina perfeitamente com o intuito da composição. A canção é uma "celebração" ao fato da narradora ter conseguido se "livrar" daquele amor que a fazia mal e, para mostrar a sua felicidade, apenas deseja o melhor para a pessoa. Mesmo com uma força emocional mais leve que os grandes sucessos de Adele, Send My Love (To Your New Lover) continua a mostrar a capacidade da cantora em escrever letras fortes que conseguem encontrar ressonância em qualquer pessoa, pois o sentimento exposto é humano e verdadeiro. É Adele. E é também pop. É outro acerto na sua carreira.
nota: 8,5

sábado, 28 de maio de 2016

Quando GaGa Encontra Björk

Blossom
Kerli

Nascida na distante Estônia, a cantora Kerli é o que seria a "cruza" entre Lady GaGa e a Björk. A cantora parece está exatamente no meio do caminho que separa as duas cantoras com todas as suas particularidades e excentricidades, o que resulta em um hibrido bem interessante. O mais interessante é notar que ela e GaGa surgiram na mesma época: enquanto uma se tornou um fenômeno global, a outra ficou conhecida no mundo "underground" do pop. De qualquer forma, Kerli parece que irá fazer o seu retorno bem antes de GaGa. A canção Blossom foi lançada como single.

A canção é uma bela, melodramática e sombria metáfora sobre crescer e se libertar das amarras que nos prendem com o florescer de uma flor. Apesar do lugar comum, Blossom tem uma eficiente construção de imagens e acerta no refrão. A voz de Kerli tem um timbre que, ás vezes, soa familiar e comercial e, em outros momentos, parece tão distinta e atrativamente estranha que se torna um verdadeiro enigma vocal. Em Blossom, a cantora caminha entre esses dois caminhos de maneira sólida e pouco ousada, mas o resultado final é bem acima da média. A balada pop/eletrônico com atmosfera épica mistura o alternativo com o pop de forma correta, conseguindo algo resultado surpreendente no seu final apoteótico. Não acredito que seja a canção que irá colocar Kerli de fato no mapa pop, mas é uma canção que merece ser descoberta por fãs de GaGa, Björk e, claro, da cantora.
nota: 7,5

sexta-feira, 27 de maio de 2016

Um Hit Contido

Like I Would
Zayn

Depois do sucesso inesperado e surpreendente de PILLOWTALK, Zayn  precisa encontrar a canção que irá continuar o seu momento. Infelizmente, não será com Like I Would que isso acontecerá, apesar das suas qualidades.

Ao contrário da canção anterior, Like I Would aposta no pop/dance pop para conseguir se tornar um hit mundial. Essa característica tira um pouco da personalidade que o cantor mostrou até aqui, porém, ainda manter várias qualidades, principalmente os bons vocais de Zayn, mostrando que tem potencial para se tornar um grande cantor. Além disso, a composição é bem correta e com uma construção redonda, ainda falta profundida para criar algo realmente marcante. A canção tem potencial, mas parece que não irá passar de hit contido.
nota: 7